Livro: Coração Ferido


Editora: SUMA de Letras | 327 páginas | Livro no Skoob

Esse livro meu namorado comprou num sebo daqui e me deu.
Eu lia ele nos meus intervalos de trabalho e todo mundo achava que era sobre romance só por causa do nome e da capa com o coração, mas na verdade ele é policial. Então, não julguem um livro pela capa ou título também hehe


- Sinopse -

O detetive Archie Sheridan passou dez anos perseguindo Gretchen Lowell, uma estonteante serial killer, mas foi ela quem o capturou. Dois anos atrás, Gretchen aprisionou-o e torturou-o por dez dias, mas, em vez de matá-lo, ela surpreendentemente o deixou partir, entregando-se à polícia. Agora ela está na cadeia pelo resto da vida enquanto Archie se vê em outro tipo de prisão – viciado em analgésicos, incapaz de voltar à sua antiga vida e sem forças para apagar aqueles dez dias horrendos de s
ua lembrança. Sua mulher, de quem se afastou, diz que o velho Archie não existe mais, e ele concorda. As visitas a Gretchen são semanais, com a justificativa de que só ele pode fazê-la confessar onde estão os corpos das vítimas. Mas Archie sabe qual o real motivo – ele simplesmente não consegue ficar longe dela.
Quando outro criminoso começa a seqüestrar meninas em Portland, Archie tem que se recompor para liderar uma nova força-tarefa que investigará os assassinatos. Uma repórter jovem e determinada, Susan Ward, acompanha o trabalho do grupo, o que desencadeia um jogo mortal entre Archie, Susan, o novo serial killer e até Gretchen. Eles têm um maníaco para capturar, e talvez isso liberte Archie de Gretchen de uma vez por todas.

- Resenha - 

Eu estou ainda terminando de ler o livro. Não achei necessário terminá-lo para depois falar sobre ele pois não vou contar o final mesmo hehe
Bom, a sinopse já fala bastante coisa mas, depois que a assassina Gretchen o soltou, Sheridan percebeu que estava apaixonado por ela e pela sua beleza, foi então que resolveu escolher ficar visitando-a na prisão ao invés de continuar com sua mulher e filhos. Até porque, a linda Gretchen iria dizer onde ela deixou os corpos de todos que ela assassinou.
Gretchen, a serial killer é bem cruel e manipuladora. 
Susan Ward é uma jornalista de cabelo rosa choque que decide acompanhar o trabalho do detetive e fazer entrevistas com o mesmo, com sua ex-mulher e Gretchen para públicar matérias sobre seus dias de tortura. Porém, no decorrer do livro e do convívio dela com Archie, percebe-se que ela começa a ficar apaixonada pelo detetive, e os dois vão querendo descobrir se Gretchen tem alguma relação com novo serial killer que esta sendo procurado pela cidade.O livro tem alguns flashbacks de Archei contando de seus dias de tortura, pelas coisas que passou. E em algumas partes parece que o livro contêm elementos desconexos à história mas com o tempo fecha um grande quebra-cabeça.

Não sei se considero um ponto negativo os palavrões que ele contém, mas acho que sem eles faltaria alguma coisa. Achei o livro muito bom e além de ter adorado que o personagem de serial killer é feminino, muito raro encontrar.
Se você também tem curiosidade de saber o que se passa na cabeça de um serial killer, super indico Coração Ferido de Chelse Cain.
Beijos da Babis! :)

Arquivado em:   ,