Eu sou eu mesma

Foto tirada por mim
Eu nunca fui dessas meninas que tem muitas experiências para contar, muitos beijos dados e namorados. Também nunca quis ser assim, talvez porque eu acreditava num garoto que seria como um príncipe encantado, aquele que me desse o primeiro beijo e que eu ficaria para sempre. Meio bobo pensar isso, mas eu era tão imatura ainda, na 5ª série me sentia como uma criança no meio de adultos. Enquanto as meninas já tinham aquele corpão e usavam shorts de escola colados e curtos, eu ainda usava blusa e bermuda largas e colocava a blusa para dentro do short. Até hoje acho que eram elas que estavam adiantadas demais para idade e não eu atrasada.

Quando eu via que estava gostando de alguém eu ficava olhando a pessoa, decorando seus gestos e expressões. Mas quando ele descobria e queria ficar comigo eu recusava, a mágica acabava. De jeito nenhum eu queria ser só mais uma para ele colocar na lista de "meninas que já fiquei". Era tão bom sentir o que eu sentia, imaginar coisas inocentes como se fossem algo muito importante, tipo andar de mãos dadas, receber um beijo na testa. Só queria alguém que pensasse do mesmo jeito que eu; que o pouco é muito.

Tenho apenas 19 anos mas posso dizer que cresci e percebi que nem tudo é como queremos, que muitas vezes os opostos se atraem e se completam, que para algumas pessoas, só porque você é diferente delas e pensa diferente da sociedade você "quer ser uma pessoa que você não é", igual me disseram esses dias. Aprendi conhecendo pessoas e suas vidas que nem sempre o que é A Verdade para muitos é para você e que quando você achar que acabou seu relacionamento com alguém pode só ser o começo, tipo no livro Anjos À Mesa ou na história do meu cunhado com sua esposa: pessoas que se conheceram, namoraram mas que por coisas da vida acabaram se separando e depois de anos se reencontraram.

Não sei como vai ser minha vida daqui um ano ou dois, não tenho certeza de nada mas eu espero que continue com esses pensamentos que tinha de não querer ser mais uma. Quero continuar vivendo o hoje e fazendo as coisas pensando no presente e não no que vai acontecer no futuro, não coisas ruins, é claro, Deus me dará discernimento do bom e mal. Enfim, quero continuar sendo eu mesma.


Me acompanhe também nas redes sociais
Facebook | Twitter | Instagram | Pinterest | Bloglovin | Youtube 
Arquivado em: